Com a cancha reta já marcada pelas patas do cavalo, foi aberto oficialmente o XIII Rodeio Internacional de Soledade. A solenidade aconteceu no início da noite desta sexta-feira, 14/2, na Cancha de Laço João Alberto Cunha Borges, quando autoridades e membros da comissão organizadora deram as boas-vindas as Seleções dos Municípios participantes.

O coordenador do evento, Josiano Garcia da Silva, salientou que um fato que marcou esta edição foi a reforma na cancha de laço. “Em parceria com o poder público, o rodeio fez diversas modificações neste local. Nossa pista tem 40 anos e não tinha recebido nenhuma intervenção, e neste ano, com essa união de forças foi possível”, assinala.

Ele acrescenta que inúmeras pessoas trabalharam e deram o suor para que esse evento chegasse a 13ª edição consolidado como está hoje. “Quando encontramos as pessoas aqui, é sinal de que o trabalho está no caminho certo. Agradeço a todos que aceitaram o nosso contive e que estão aqui confraternizando conosco”, pontua.

O prefeito de Soledade, Paulo Cattaneo, salientou que para ele é uma honra, das 13 edições, em 8 estar a frente do executivo municipal. “Parabenizo a todos que contribuíram para que o evento se consolidasse. A festa é de todos os gaúchos e gaúchas, que fazem se tornar grande e forte o Rodeio Internacional de Soledade”, destaca.

Durante a solenidade, a organização do Rodeio Internacional de Soledade prestou uma homenagem para Cenira Ortiz, que faleceu em 2019. Igualmente, foi descerrada a placa que marca as reformas realizadas na Cancha de Laço João Alberto Cunha Borges.

O XIII Rodeio Internacional de Soledade vai entregar mais de R$ 100 mil em prêmios entre as provas artísticas e campeiras. O evento segue até domingo, 16/2, no Parque de Eventos Centenário Rui Ortiz e para mais informações, acesse o site www.rodeiosoledade.com.br e também curta a página no Facebook.